circulando na vila

Bem vindo a este espaço, que se propõe divulgar as principais notícias do Vila Nova e região. Participe, com sugestões, ideias, fotografias...

sexta-feira, 13 de setembro de 2013

Feira multidisciplinar na Escola Karin Barkemeyer

A Feira Multidisciplinar da Escola Municipal Professora Karin Barkemeyer mexeu com o imaginário das crianças do 1º ao 5 ano. A busca por formas práticas de levar o conhecimento aos alunos motivou professores a elaborar temáticas que fazem parte do cotidiano das famílias. Assim, receitas culinárias se transformaram em ensino de literatura; brinquedos e brincadeiras antigas em aprendizado da história recente; o caminho de casa até a escola em estudo de topografia e engenharia. 

Realizada nesta sexta-feira, no bairro Vila Nova, a feira é fruto de um semestre de atividades com os alunos. “O objetivo desta feira é fazer com que todas as crianças, os pais e toda comunidade escolar entendam de uma forma bem clara que quando os conteúdos que são trabalhados em sala de aula são colocados em prática o aprendizado ocorre com mais facilidade”, disse o diretor da escola, Francisco Austregésilo de Oliveira. 

Em cada sala de aula, uma temática diferente foi preparada para consolidar o sistema de aprendizagem. Na sala dos primeiros anos, a professora Josiane Giovanela Nunes trabalhou no projeto “Aniversário do Seu Alfabeto”. Os pequenos organizadores da festa fizeram bolos e demais quitutes simbólicos, utilizando as letras do alfabeto. “É uma forma gostosa e prática de alfabetizarmos as crianças”, disse Josiane. 

Os alunos dos segundos anos trabalharam com temas variados, buscando resgatar a história recente. Brincadeiras antigas, parlengas, cantigas fizeram parte dos trabalhos apresentados. “Procuramos com isso resgatar a história dos pais e avós dos alunos, ao mesmo tempo praticando os conhecimentos de história e alfabetização”, conta Jeniffer Mattar, uma das professoras responsáveis pelo projeto. Outro grupo também trabalhou com o foco na família e nos tipos de moradia. 

Na sala dos terceiros anos as turmas elaboraram projetos na área de alimentação, da construção de moradias, com a confecção de maquetes e plantas baixas das casas. Com palavras simples, a aluno Priscila Eichholz dos Santos explicou como funcionou o projeto de sua sala de aula. “Nós desenhamos o modelo da nossa sala de aula, da nossa casa e do caminho que fazemos da casa para a escola”, disse. 

Formas geométricas e a lenda chinesa 

Um recorte da lenda chinesa que conta a história de um servo que levava uma placa de granito para o rei e, ao deixá-la cair se quebrou em sete pedaços de formas geométricas perfeitas, conduziu os projetos denominados Tangran (técnica de juntar formas diferentes) dos alunos dos 4ºs anos. Ao tentar juntar os pedaços quebrados, conta a professora Zinai Gomes D’Almeida Santos, “o servo descobriu que era possível formar várias formas, hoje reconhecidamente mais de mil”, explicou, citando a lenda.

E na sala do 5º ano a temática foi o estudo do corpo humano. Figuras, maquetes e um esqueleto humano serviram de base para os alunos explicarem o funcionamento dos sistemas do corpo humano, num contexto que envolveu biologia e conhecimentos gerais. “É na prática que os alunos aprendem de verdade”, lembrou Andréia Betina Klitzke, professora responsável pelo projeto. - See more at: http://www.joinville.sc.gov.br/noticia/5486-Feira+Multidisciplinar+envolve+alunos+da+Escola+Karin+Barkemeyer.html#sthash.idrFsrx9.dpuf

Nenhum comentário: