circulando na vila

Bem vindo a este espaço, que se propõe divulgar as principais notícias do Vila Nova e região. Participe, com sugestões, ideias, fotografias...

quinta-feira, 23 de maio de 2013

Nova adutora do Piraí: começou remoção de rocha



Remoção da pedra é uma das ações para binário continuar
A retirada da rocha encontrada durante a instalação da nova adutora do Piraí, na Rua XV de Novembro (bairro Vila Nova), teve início nesta quinta-feira (23/5). Em vez de explosivos, será utilizada uma técnica segura que terá menos impacto no ambiente, sem vibração, sem ruído e sem projeção de partículas. 

A pedra, que tem aproximadamente 80 metros de comprimento, será perfurada em pontos estratégicos, onde será injetada uma argamassa expansiva – produto composto por cimento cinza, cal hidratada, areias selecionadas e aditivos químicos. Uma reação com água faz com que o material dilate e trinque a rocha, que será, dessa forma, removida mais facilmente, em pedaços menores

“A obra terá de ser executada aos poucos, e levará cerca de dois a três meses por causa da extensão da laje”, afirmou Roni Alves Bezzerra, gerente de obras e expansão da Companhia Águas de Joinville. Roni ressalta ainda que a conclusão dos trabalhos depende das condições climáticas. Em caso de chuva, a obra será interrompida, pois a argamassa não reage se houver umidade.

Motoristas devem ficar atentos, pois o trânsito no local (Rua XV de Novembro, em frente à subestação da Celesc) ficará em meia pista, com controle de fluxo alternado (o veículo que está num sentido aguarda o outro passar).

Nova adutora do Piraí
 
Orçada em mais de R$ 17 milhões, a nova adutora vai substituir a antiga tubulação, construída em 1952, mas ainda em uso na travessia do bairro Vila Nova. Com maior capacidade de vazão, a nova adutora deve melhorar a eficiência na distribuição de água na região Oeste, com reflexos positivos também na região Sul da cidade. 

O trajeto do duto segue pela Estrada dos Morros, Estrada Comprida e pelo futuro binário do Vila Nova até chegar à BR-101. O trecho da adutora entre a ETA Piraí e o Reservatório do Vila Nova está concluído desde setembro de 2011; além disso, 98% da tubulação da nova adutora, no trecho do binário, já foi assentada.

O pequeno trecho restante inclui a passagem sobre a laje de pedra, prestes a ser removida. A Companhia Águas de Joinville também aguarda a construção de duas pontes, que estão sob responsabilidade do Deinfra, para poder fazer a travessia com a adutora sobre os rios Águas Vermelhas e Motucas.   Fonte: Prefeitura de Joinville

Nenhum comentário: