circulando na vila

Bem vindo a este espaço, que se propõe divulgar as principais notícias do Vila Nova e região. Participe, com sugestões, ideias, fotografias...

domingo, 14 de fevereiro de 2016

Circulando na Vila

Vila Nova 150 anos

Dia 1º de fevereiro o prefeito Udo Döhler recebeu em seu gabinete integrantes da comissão responsável pelos festejos do aniversário de 150 anos do bairro Vila Nova. O grupo, designado pelo Conselho das Associações do Vila Nova – Cavin, foi  apresentar ao governo a proposta de atividades para o mês de julho e primeira semana de agosto e também solicitar apoio da Prefeitura para a realização dos eventos. A programação é extensa e conta com várias novidades. O prefeito elogiou a organização do bairro e se comprometeu em ajudar em praticamente todas as necessidades elencadas. 

Programação 
         
Na programação das comemorações do sesquicentenário, dia 2 de julho inicia no Sesc a exposição” Vila Nova ontem e hoje”. Trata-se de um apanhado de imagens antigas justapostas com as imagens dos dias atuais. No primeiro fim de semana de julho também ocorre a eleição da rainha da festa, rainha mirim e rainha da terceira idade. Em outro fim de semana o Sesc promove o Dia do Pedal e a Volta da Vila, um trajeto pelas ruas do bairro onde os participantes podem escolher sua modalidade de transporte. A organização também planeja uma partida de futsal com a participação da equipe da Krona, que agora está integrada ao JEC.

Cultura

Uma das novidades da festa de aniversário deste ano será a 1ª Amostra de Dança do Vila Nova. Será uma oportunidade para que crianças, adolescentes, jovens e adultos possam apresentar suas coreografias de dança. À frente deste trabalho estará a professora de dança Valdirene Bernardes. O evento está programado para o dia 16 de julho, sábado à noite, no Sesc Comunidade.

Turismo rural

Outra surpresa agradável para o público do bairro será o roteiro no turismo rural do Vila Nova. A organização vai promover três passeios, em três finais de semana, para os principais pontos do turismo rural do bairro. A ideia é valorizar as propriedades rurais e mostrar para a comunidade a riqueza natural desta região. A oportunidade será para aproximadamente 120 pessoas, que deverão se cadastrar a partir do mês de junho deste ano junto ao Sesc Comunidade.

Mais Cultura

A decisão da Prefeitura de cancelar o convênio para construção do equipamento Mais Cultura coloca um ponto final num projeto que vinha se arrastando desde 2009. Fruto de indicação dos delegados do então Orçamento Participativo, o Mais Cultura previa em seu projeto original a contrapartida da Prefeitura com recursos do IPTU dos anos de 2009 e 2010. Só que este dinheiro nunca foi reservado. Na nota emitida pela Fundação Cultural, o motivo do cancelamento foi a falta de recursos para cobrir a parte da Prefeitura no convênio.

Novo projeto

Com o cancelamento do Mais Cultura, o Conselho das Associações do Vila Nova vai em busca de um projeto alternativo. “Mesmo que seja só para a prática de futebol”, confirma o presidente Elpídio Zimmermann. A ideia do Cavin é buscar recursos através de patrocínios de empresas da região para reformular aquele espaço e deixá-lo em condições para a pratica esportiva.

Sociedade Palmeiras

A diretoria da Sociedade Palmeiras do Vila Nova iniciou neste mês a demolição da antiga sede social, na rua Ricardo Baumer. No lugar será construído um novo espaço, com 450 metros quadrados (15x30), mais moderno, seguro e confortável para seus associados e para a comunidade do bairro. Construída no início da década de 70, o galpão da sociedade foi palco de várias festividades. Entre elas, destaque para as famosas domingueiras e bailes do chope que reuniam centenas de pessoas de toda a cidade. 

Segurança

Após um ano e sete meses da inauguração, o Case (Centro de Atendimento Socioeducativo) de Joinville iniciou as obras de construção do muro de concreto que estava previsto no projeto da unidade. De acordo com o Dease (Departamento de Administração Socioeducativa), dentro de alguns dias a construção do muro de mais de sete metros estará concluída. Na época da inauguração, no ano de 2015, a Associação de Moradores da Estrada do Sul e Blumenau (Amaesb) chegou a realizar manifestos em frente ao equipamento, para solicitar as medidas de segurança, incluindo os muros de proteção. 

Ponte do Piraí

A Associação de Moradores da Estrada do Sul e Blumenau realizou reunião com integrantes da Fundação Cultural de Joinville para discutir o futuro da ponte sobre o rio Piraí, na Estrada Blumenau. A estrutura da cobertura foi carregada no ano passado por um vendaval com chuva, fato que acabou comprometendo também a estrutura da ponte. Os moradores querem que seja construída uma nova ponte, de concreto, para garantir mais segurança e trafegabilidade para as máquinas agrícolas.

Resultados


Tanto a construção dos muros de proteção no Case como a instalação de novas luminárias ao longo da Estrada Blumenau são uma prova da eficácia da organização comunitária no bairro. Em recente reunião na Prefeitura, o prefeito Udo Döhler destacou o bairro Vila Nova como o mais organizado em termos de associativismo e trabalho comunitário. Frutos de um trabalho de equipe, de longo prazo, que conta com o Cavin, as associações de moradores, APPs de escolas, diretorias de igrejas, grupos de escoteiros, Gestão Compartilhada da Acij e Sesc Comunidade. 

Nenhum comentário: