circulando na vila

Bem vindo a este espaço, que se propõe divulgar as principais notícias do Vila Nova e região. Participe, com sugestões, ideias, fotografias...

quarta-feira, 16 de dezembro de 2015

Manutenção de ruas

Depois de um período de quase 60 dias com chuvas, o desafio das subprefeituras é a recuperação da malha viária. No bairro Vila Nova são duas frentes que precisam de atenção redobrada neste fim de ano. A operação tapa buracos nas vias pavimentadas e o patrolamento e ensaibramento das ruas sem pavimentação. O bairro conta hoje com cerca de 30% das ruas com asfalto. Sem pavimentação, considerando área urbana e rural, são mais de 100 km de ruas para fazer a manutenção. Pelas contas da Subprefeitura, são necessários pelo menos 15 dias de tempo sem chuva para a recuperação de todo o trecho. Isso considerando disponibilidade de material e das duas patrolas.

Renovação

O ano de 2015 foi próspero na renovação das diretorias das associações de moradores do bairro. O Conselho das Associações (Cavin) acompanhou as eleições na Associação Estrada do Sul e Blumenau, Nova Vila, Estrada dos Morros e Amigos do Irineu. A diretoria do Cavin também foi renovada. Estão à frente da entidade nos próximos dois anos o presidente Elpídio Zimmermann e o vice Antônio Batista.

Feira do Vila Nova

Iniciativa de lideranças do bairro, a Feira do Vila Nova já se consolidou como evento para reunir os trabalhos artesanais da região Oeste. Entre as duas edições, o público compareceu e já começa a se familiarizar com os feirantes. A feira é de responsabilidade da Fundação Cultural de Joinville, com apoio do Cavin e da Subprefeitura. Segundo os organizadores, ainda há espaço para iniciativas nas áreas do artesanato, gastronomia, brechós e também para as apresentações culturais.

Mulheres

Dados divulgados pelo Ippuj, na publicação Joinville Bairro a Bairro, indicam que as mulheres são maioria no bairro Vila Nova. A conta está em 50,5% a 49,5%. E elas também lideram em suas comunidades. Exemplos positivos são Nadir Zermiani e Vanessa Macoppi, na Associação Rural; Terezinha Campos e Patrícia na Associação Nova Vila; Yoshyco Devegili, Mara Rosana, Alessandra Schaldag e Zilda na Amarxv; Susana Staats na Associação Vila Nova; Alda na Associação Anaburgo; Carla Merkle na Gestão Compartilhada da Acij; Rubia Girardi e o grupo de mulheres Dorcas; Lurdes Jacob na Sociedade Piraí; Mareli Felipi na Comunidade Cristo Rei;  Juliana Prado e Gabriela Strapasson na Zumba; Marilde Tomasini e Eliane Jacques na Comunidade Aparecida e Crhista Vogelsanger na Associação Estrada dos Morros.

Na educação e saúde também

A liderança feminina fica ainda mais evidente olhando para a educação. Com exceção da Escola Karin Barkemeyer, dirigida pelo professor Francisco de Oliveira, e da Escola Bernardo Tank, por Délcio Bertelli, todas as demais unidades, incluindo Centros de Educação Infantil, têm mulheres na direção. Na saúde Chana Beninca comanda as Unidades do Vila Nova; Carmem Dalfovo o Conselho de Saúde Rural. Ainda no meio rural, destaque para o apoio de Marisa Beninca e a assistente social Jaqueline do Rocio Alves Coelho. Temos ainda a Pastora Joceli, há 30 anos à frente da Igreja Quadrangular, e mais recentemente a pastora Lígia da Igreja Luterana. Na Subprefeitura, outra mulher, Elenita de Souza. A todas estas, mas em especial às mulheres comuns, guerreiras do dia a dia, que representam a base da família, desejo um final de ano abençoado e um 2016 cheio de vitórias. 

Terceira idade

Um espaço para convivência, entretenimento, lazer e de conhecimento. Esta é uma proposta projetada pelo Sesc Comunidade para grupos de terceira idade do bairro Vila Nova para o ano de 2016. Com apoio do Conselho das Associações, o coordenador Vanderlei Pereira pretende desenvolver trabalho de inclusão deste segmento que já existe em grande número no bairro. Novidades para o primeiro trimestre.

150 anos

O Comitê Vila Nova 150 Anos já tem uma agenda das festividades alusivas ao sesquicentenário do bairro em 2016. Uma série de atividades será desenvolvida durante todo o ano. O ponto alto será no mês de julho, quando ocorrem as principais atrações. Entre as novidades, concurso para miss Vila Nova nas categorias Terceira Idade e Mirim, Circuito de Corrida e Pedal denominado Volta da Vila, Exposição Vila Nova ontem e hoje e o inédito Festival de Dança do Vila Nova.

Segurança viária

O Departamento de Trânsito da Prefeitura (Detrans) garantiu a instalação, no primeiro semestre de 2016, de dois redutores de velocidade na via que compõe o binário do Vila Nova. Um redutor, de 40 km/h, será colocado próximo a escola Karin Barkemeyer, e outro, de 60 km/h, próximo ao cruzamento com a rua Bento Torquato da Rocha. Os equipamentos foram solicitados em diversos ofícios encaminhados pelo Cavin, Conseg e Associação de Moradores Vila Nova.

Frase do Facebook

“Que ideias deste tipo continuem e que deem frutos. Que o povo aprenda a valorizar o que temos em nosso bairro. Sábado maravilhoso. Parabéns aos organizadores e as pessoas que se dedicam a estar ali neste momento.” Sandra Poltronieri Tank, sobre a Feira do Vila Nova

Lugar para lazer

A 20 minutos da região urbana do bairro Vila Nova é possível desfrutar da natureza exuberante, boa gastronomia e ainda se aventurar nas trilhas ecológicas da região. O lugar é o Restaurante Aventura Rural, do amigo Neto, localizado na Estrada Duas Mamas, na região denominada Neudorf. Atende com almoço, café colonial e aceita reservas para festas.

Boas festas

Aos amigos leitores, desejo um Natal abençoado em família e um Ano Novo com muitas vitórias. Estaremos juntos.  

Nenhum comentário: