circulando na vila

Bem vindo a este espaço, que se propõe divulgar as principais notícias do Vila Nova e região. Participe, com sugestões, ideias, fotografias...

terça-feira, 22 de fevereiro de 2011

Reunião da AMARXV debateu propostas


Mais de 100 pessoas da região de abrangência da Associação de Moradores do Alto da Rua XV participaram da assembleia realizada na noite de terça-feira na Sociedade Palmeiras. O objetivo da reunião era ouvir das autoridades municipais e estaduais as soluções para os problemas de alagamento no loteamento Jardim Cristofolini, rua Catharina Baumer, Estrada Blumenau, Rodovia do Arroz e imediações. Estavam presentes representantes da Secretaria Regional, da Defesa Civil e Departamento de Infra-Estrutura do Estado. De acordo com o secretário regional, existe um equipamento realizando a limpeza de valas que contribuem com o rio Motucas. Fabiano diz que o trabalho está sendo realizado por etapas, principalmente por causa da falta de mais equipamentos. Foi garantido pela Prefeitura a implantação das galerias na região da Estrada Motucas e Estrada do Salto, onde as enchentes destruíram várias pontes. No loteamento Cristofolini, a novidade ficou por conta da liberação de recursos (R$ 100 mil) que o Estado teria disponibilizado para ajudar na obra de drenagem junto à Rodovia do Arroz, trecho entre a Indústria Vila Nova e o Posto Baumer. Os moradores reclamaram das prioridades definidas pela Prefeitura e defenderam a ideia de realizar a limpeza do rio Motucas num primeiro momento. O secretário informou que as obras que estão sendo realizadas são pontuais e rápidas, enquanto a limpeza do rio demanda um prazo bem maior. Porém, o secretário garantiu que todas as obras necessárias no bairro serão realizadas. Sempre presente nas reuniões da AMARXV, o padre Osmar lembrou que é preciso investir certo para evitar os desperdícios de recursos, que já são poucos, comentou. No final da reunião, os moradores prometeram acompanhar e cobrar incessantemente as providências necessárias para o bairro.

Nenhum comentário: