circulando na vila

Bem vindo a este espaço, que se propõe divulgar as principais notícias do Vila Nova e região. Participe, com sugestões, ideias, fotografias...

sábado, 15 de janeiro de 2011

Caramujo Africano


Aumentou consideravelmente a presença do caramujo africano no Vila Nova. A coluna recebeu informações de moradores indignados com a quantidade de bichos que se espalham pelos quintais das casas. O caramujo africano pode transmitir uma série de doenças para o homem, sendo que as pessoas não devem manipulá-lo sem luvas, pois o simples contato pode causar o contágio. O animal pode ser encontrado em hortas, jardins, plantações e possui uma significativa resistência à seca e ao frio. O molusco foi introduzido no Brasil como uma versão do escargot, mas depois descobriu-se que a espécie não é comestível e transmite doenças. Trata-se de um molusco grande, terrestre, que, quando adulto, atinge 15 centímetros de comprimento e 8 centímetros de largura, com mais de 200 gramas de peso. A cada dois meses, um caramujo põe 200 ovos.

Um comentário:

Ribeiro disse...

Sou morador na
Rua Rudolf Baumer, todos os dias eu e minha esposa colocamos sal de cozinha em média trinta desses caramujos....acredito que a Secretaria Regional deveria vistoriar esses terrenos baldios que certamente encontrará a origem desses caramujos e tomar as medidas necessárias....